PECUÁRIA MERCOSUL Brasil e Paraguai firmam acordo para facilitar comércio de bovinos

COMEÇA A OPERAÇÃO TAPA-BURACOS EM PORTO MURTINHO

A operação tapa-buracos em ruas da cidade começou hoje (24), após o período de chuva. Os profissionais do setor de Planejamento Urbano  de Porto Murtinho, já...

SÔNIA FERREIRA SUPLENTE DE VEREADORA ASSUMIRÁ VAGA NA CÂMARA DE PORTO MURTINHO

  Vereador Edicarlos Oliveira Lourenço (PSDB) foi condenado criminalmente e perde o mandato, em Porto Murtinho. A suplente Sônia Maria Ferreira (PSDB) Já foi...

RIO PARAGUAI FICA ESTACIONADO NAS 24hs

DA:        Agência Fluvial de Porto Murtinho AO:        Serviço de Sinalização Náutica do  Oeste INFO:     Comando do 6º Distrito Naval 1....

DOMINGO RIO PARAGUAI ESTÁ BAIXANDO LENTAMENTE

DA:        Agência Fluvial de Porto Murtinho AO Site www.folhademurtinho.com.br INFO:     Comando do 6º Distrito Naval 1. Transmito a V. Sa. os dados...

Da cadeia, acusado pela PF de aplicar golpe em 25 mil cobra R$ 1,6 milhão de deputado Picarelli

Preso desde novembro do ano passado na Operação Ouro de Ofir, o empresário Celso Éder Gonzaga de Araújo, 33 anos, ingressou com ação na Justiça para cobrar R$...

RIO PARAGUAI CONTINUA BAIXANDO EM MURTINHO

DA: Agência Fluvial de Porto Murtinho AO: Site Folhademurtinho.com.br INFO: Comando do 6º Distrito Naval 1. Transmito a V. Sa. os dados referentes a leitura da régua...

Ponte de concreto para substituir a que caiu em Guia Lopes da Laguna está 91% concluída

A ponte de concreto armado sobre o rio Santo Antônio, em Guia Lopes da Laguna (a 213 quilômetros da Capital), está 91,76% concluída, de acordo com a Agência...

Motorista bêbado que causar acidente com vítima agora tem pena maior

Com mudança na lei, delegado não poderá mais determinar fiança nesse caso. Código de Trânsito também passa a incluir ‘cavalo de pau’ e outras manobras...

Mato Grosso do Sul deve ganhar novo terminal portuário

Mato Grosso do Sul deve ganhar mais um terminal em Porto Murtinho, em um momento em que o volume de produtos transportados por hidrovias cresceu 37,65% em 2017, em...

Construção de ponte em Porto Murtinho é aprovada no senado

A proposta que permite a construção de uma ponte rodoviária sobre o rio Paraguai, ligando Porto Murtinho a Carmelo Peralta foi aprovada no senado federal. A estrutura...

O Juiz da 12ª Vara da Justiça Federal em Brasília , Marcus Vinicius Reis, autorizou os depoimentos de 42 pessoas no processo em que amigos do presidente Michel Temer se tornaram réus acusados de integrar uma organização criminosa. O juiz atendeu a pedido do Ministério Público Federal no Distrito Federal. Do total de 42 testemunhas, a maioria é de delatores – 36 são colaboradores da Lava Jato – que serão ouvidos no processo do chamado “quadrilhão do MDB”. Entre os réus dessa ação penal, estão os ex-deputados Eduardo Cunha e Henrique Alves e os amigos do presidente Michel Temer João Batista Lima Filho, ex-coronel da Polícia Militar de São Paulo; o advogado José Yunes, ex-assessor de Temer; e o ex-deputado e ex-assessor da Presidência Rodrigo Rocha Loures. Entre as testemunhas a serem ouvidas no processo estão o ex-ministro Antônio Palocci , o empresário Marcelo Odebrecht, do grupo Odebrecht; Ricardo Pessoa, da empreiteira UTC; o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró ; o operador Fernando Baiano; o ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado e o ex-senador Delcidio do Amaral. O Ministério Público diz que Yunes e Lima serviam de emissários e arrecadadores de propina para o partido e para Temer. De acordo com o MP há suspeita de que Loures fosse emissário de Temer na Caixa Econômica Federal em um suposto esquema de desvios. Todos negam as acusações. O MP pediu as prisões dos investigados sob o argumento de que havia risco de cometerem crimes, mas o juiz Marcus Vinicius Reis negou o pedido. Os amigos do presidente, Yunes , Lima e Loures já foram presos em outras investigações. Yunes e Lima cumpriram prisão temporaria na Operação Skala, no início do mês, que investiga empresários do setor de portos e as relações deles com amigos do presidente em troca de supostos benefícios . A pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, os soltou antes do fim do prazo inicial da prisão temporária. Loures foi preso a partir da delação da JBS, em junho do ano passado, por causa da mala com R$ 500 mil que teria recebido de Ricardo Saud, delator e ex-diretor do grupo J&F. Menos de um mês depois ele conseguiu liberdade com restrições, por decisão do ministro Edson Fachin, do STF.

O vereador Paulo Igor (MDB), que foi preso com dinheiro na banheira durante a operação Caminhos do Ouro, do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ), renunciou à...

PF instaura inquérito e perícia analisa danos após invasão a triplex atribuído a Lula em Guarujá, S

Ocupação ocorreu na manhã desta segunda-feira (16), por militantes do MTST e Frente Povo Sem Medo. Advogado dos movimentos sociais já se apresentou à Delegacia da...

Banhista atacado por tubarão no Grande Recife tem a perna amputada

O banhista atacado por um tubarão neste domingo (15), na Praia de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, Grande Recife, teve a perna direita amputada, devido ao grau dos...

Domingo tem pancadas de chuva em 8 municípios de MS e previsão de queda de temperatura na segunda

O clima está mais ameno neste domingo (15) vários municípios de Mato Grosso do Sul, segundo o meteorologista da Uniderp/USP Natálio Abrão. Em Costa Rica, na região...

Espólio dos votos de Lula preocupa PT após divulgação de pesquisa

O PT ficou em alerta com o resultado da primeira pesquisa com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018 divulgada depois da prisão do...

Após 4 meses parada na Câmara, PEC do foro privilegiado corre risco de ser engavetada

Sem indicações de membros, comissão está sem funcionar; líderes dizem que aguardavam fim da janela partidária. CCJ, porém, avalia que PEC não pode tramitar...

Dono de conveniência é preso ao ser flagrado com pistola 380 na cintura

Um homem de 30 anos foi preso, na madrugada deste sábado (14), por porte ilegal de arma de fogo, no Bairro Mata do Jacinto –região norte de Campo Grande. De acordo...

Maioria vê culpa de Lula; 95% quer que Lava Jato continue

A maioria da população brasileira (57%) considera que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Operação Lava Jato, é culpado dos crimes...

Trio de senadores são chamados de ‘ratos, nojentos, vagabundos e ladrão’

Os políticos brasileiros não estão sendo poupados nem em viagens internacionais. Está circulando na internet o vídeo em que um brasileiro desabafa sobre o atual...