Meses após sair na Playboy, assédio transformou modelo em uma radical na igreja

Fama, dinheiro e a possibilidade de se tornar conhecida em todo o Brasil e até fora do País era uma meta para a ex-modelo Jéssica Machado, de 25 anos. Nesse caminho, ela conseguiu ser uma dentre tantas a posar nua na Playboy. As fotos saíram na edição de agosto de 2013, mas meses depois os objetivos mudaram radicalmente.

O sucesso chegou em partes, e com ele também os estigmas de uma mulher que decidiu tirar a roupa para uma revista masculina. Vieram as primeiras propostas “indecentes” e Jéssica diz que se assustou o que a fez abandonar a super exposição para se tornar evangélica.

Isso tudo ocorreu muito antes da história mais famosa envolvendo conversão do tipo, a de Andressa Urach, ex-modelo que recorreu também à religião depois de quase morrer por conta de uma infecção em 2015.

Jéssica esperava que a revista fosse um divisor de águas em sua vida, mas nem imagina qual transformação estava por vir. “Eu gostava de malhar, cultuava meu corpo e sabia que através da beleza poderia despertar o interesse de alguns profissionais, como modelo. Meu maior objetivo era ficar famosa e ganhar dinheiro”, comenta.

Naquela época, mesmo com a rotina intensa de treinos como estudante de Educação Física, Jéssica ainda conciliava os estudos como dançarina e modelo fotográfica. Ela já foi bailarina de programa de televisão em Campo Grande, ring girl em lutas deMMA e até musa do CENE Futebol Clube.

E tanta dedicação para chamar a atenção e manter o corpo em forma, garantiu que ela passasse na rigorosa seleção de “coelhinhas” da revista, em Campo Grande. “Eu participei de uma seletiva que reuniu aproximadamente 140 candidatas. Dentre todas elas eu fui uma escolhida”, afirma.

Em agosto de 2013, as fotos sensuais de Jéssica surgiram em algumas das 8 páginas da revista dedicadas ao trio campo-grandense. Intitulado de “As Belezas do Pantanal”, o editorial trazia, além da ex-modelo, a psicóloga Maria Thereza Trad e a promotora Carla Chacarosqui, todas nuas, em ensaio produzido pelo fotógrafo Alexis Prapas, em Bonito.

Adriano Fernandes
Facebook Comentários