Data de Hoje - 18/Março/2019

MS terá mais um integrante no governo Bolsonaro

O sul-mato-grossense e General da reserva do Exército desde 2002, Marco Aurélio Vieira, foi nomeado como secretário Especial de Esporte pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra, na tarde de ontem (2). O secretário, que é natural de Corumbá, foi diretor-executivo de operações da Rio 2016, além de ter participado do planejamento e da execução do revezamento da tocha olímpica pelas cinco regiões brasileiras.

Em entrevista ao site Gloesporte.com, Marco Aurélio afirmou que, “o esporte também cumpre um papel social e tem grande interação com a cultura em todas as civilizações. Nossa ideia é fazer com que o trabalho de sucesso até hoje realizado seja potencializado”, projetou.

Ainda conforme a publicação, entre as prioridades do general está a gestão do Bolsa Atleta, que teve o seu orçamento cortado pela metade no último ato do governo de Michel Temer.

“É uma conquista importante tanto para os profissionais da área como para a sociedade brasileira. Vamos aprimorá-lo trabalhando com racionalidade na captação e formação de atletas, bem como na atuação junto às federações e confederações. O envolvimento de todos é necessário para produzirmos mais resultados com menos custos”, complementou.

Além de Marco Aurélio, outros dois sul-mato-grossenses terão cargos no Governo Federal. A deputada federal Tereza Cristina (DEM) assumiu o Ministério da Agricultura. Já o ex-deputado federal e ex-secretário de Saúde por Campo Grande, Luiz Henrique Mandetta (DEM), comandará o Ministério da Saúde.

Facebook Comentários