Pressão fica perto do insustentável, e direção do São Paulo cogita demitir Dorival

A pressão sobre o técnico Dorival Júnior, do São Paulo, aumentou muito depois da derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, nesta quinta-feira, na arena do rival. Nos bastidores, alguns dirigentes do Tricolor classificam a situação do técnico como insustentável e admitem a possibilidade de demití-lo.

Apesar disso, não há neste momento uma decisão sobre o futuro do treinador. O mais provável é que haja uma conversa nesta sexta-feira para definir a situação.

 

Facebook Comentários