Protesto de sem-terra por loteamento de fazenda durou sete horas na MS-141

Grupo queria pressionar o Incra por fazenda desapropriada

Após sete horas de manifestação, integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra liberaram trecho da MS-141, entre Naviraí e Ivinhema, na região sudoeste do Estado. O ato tinha o objetivo de pressionar o Incra a lotear uma fazenda já desapropriada

Conforme a Polícia Militar Rodoviária, eram cerca de 50 manifestantes do Acampamento São João Maria.

O congestionamento não foi intenso, já que de hora em hora a passagem de veículos era liberada. No entanto, somente passavam ambulâncias e outros automóveis de socorro.

Ainda segundo a PMR, assim que equipes de reportagem registraram o protesto, o ato se encerrou, por volta das 15 horas.

Fonte: topmidianews.com.br

Facebook Comentários