Data de Hoje - 27/Maio/2019

Sétima edição da campanha de Prevenção e Combate a Incêndios quer envolver produtores e estudantes

A sétima edição da Campanha de Prevenção e Combate a Incêndios, foi lançada nesta segunda-feira, dia 22. Promovida pela Reflore MS, em parceria com a Famasul, o Senar MS e o Governo do Estado, a ação tem como proposta mostrar o quanto a ação humana ainda é uma das maiores causas dos incêndios e que essas atitudes podem ser penalizadas.

O presidente da Reflore MS, Moacir Reis destacou a importância do trabalho preventivo realizado no Mato Grosso do Sul, que hoje tem mais de R$ 1,1 milhão hectares de floresta plantada. Segundo ele é preciso envolver inclusive estudantes.

O lançamento na sede da Famasul é uma forma de envolver o setor rural nos trabalhos.

Durante o lançamento ainda foram apresentados dados referentes aos incêndios no estado, e 70% das causas são de origem humana. Moacir explica que uma grande ação será realizada no dia do meio ambiente.

Conforme o artigo 41 da Lei quem provocar incêndio em mata ou floresta pode sofrer pena de reclusão, de dois a quatro anos, e multa. E, em caso de crime culposo, a pena é de detenção de seis meses a um ano, e multa.

 

Katiuscia Fernandes – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)

Facebook Comentários