STJ negou habeas corpus pedido pela defesa de Lula. Prazo terminou, e ex-presidente não se entregou à PF.

Juristas ouvidos pela TV Globo explicam que a decisão de Lula não representa um desrespeito à decisão judicial, uma vez que a apresentação dele às 17h era uma oferta, que o ex-presidente poderia ou não aceitar. Agora, a PF e o juiz Sérgio Moro decidirão quando o mandado de prisão será cumprido.

Facebook Comentários