Share on facebook
Share on skype
Share on email
Share on whatsapp

Um grupo de seis homens invadiu uma fazenda na região conhecida como Ponta Fina, em Porto Murtinho, distante 439 km de Campo Grande, fizeram o caseiro, um idoso de 83 anos, refém e abateram animais. O crime ocorreu no fim de semana, mas só chegou à polícia nesta terça-feira (23).

O caseiro contou aos policiais que o grupo invadiu a fazenda com armas longas e assim que chegou, anunciou o assalto. A vítima foi amarrada enquanto os bandidos, que conversavam em guarani, abateram alguns animais e depois, fugiram levando um barco da propriedade.

Por medo, o idoso não ficará mais no local, que pertence a um militar da reserva, já que o bando ameaçou de voltar para levar mais animais, conforme apurado pelo Porto Murtinho Notícias.

O caso aconteceu no sábado, mas só foi descoberto hoje, depois que uma pessoa passou por lá e avisou as autoridades. Como a propriedade fica entre Porto Murtinho e a cidade de Porto Sastre, no Paraguai, não existe cobertura telefônica. A Polícia Militar e a Militar Ambiental foram até a fazenda e encontraram algumas cabeças e outras partes de animais abatidos abandonados pelos suspeitos.
Hoje (24) a Polícia Civil de Porto Murtinho, com apoio da Polícia Militar Ambiental, retornaram ao local com a perícia, para levantamentos e prosseguir nas ações de combate ao crime de abigeato no município.

Hildebrando Procópio

Folha de Murtinho/ Campo Grande News.