Podia ter sido minha filha’, diz marido que teve mulher grávida atacada por pitbulls

9/10

Após o susto que passou nesta quarta-feira (22), uma família respira aliviada por algo mais grave não ter acontecido, após ataques de s na Vila Nasser, em Campo Grande. O zinho da família chamado Igg foi atacado, teve a traqueia perfurada e já operou. “Podia ter atacado a minha , meu podia ter morrido”, lamentou o servidor público, Thiago Vieira, 36 anos.

O servidor conversou com a reportagem do Jornal Midiamax. Ele conta que saiu para passear com a família na noite de terça-feira (21). A de quatro anos e a esposa que está grávida de 36 semanas. “Minha quis levar os s, temos três”, conta Thiago. A criança carregava o pinscher. “Andamos uma quadra e meia, quando vinha um e a gente tentou espantar ele”, lembra.

O animal teria, aparentemente, ido embora. “Derrepente chegaram dois, foi quando ocorreu o ataque. Eles foram para cima de um dos meus s, sorte que não foi no pequenininho porque minha que estava conduzindo ele pela guia e depois a minha esposa pegou no colo”, conta o homem.
Midiamax